Busca rápida
por título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Literatura estrangeira  
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13  

Fausto I
Uma tragédia

Johann Wolfgang von Goethe

Tradução de Jenny Klabin Segall
Ilustrações de Eugène Delacroix
Apresentação, comentários e notas de Marcus Vinicius Mazzari
Edição bilíngue
 
O Fausto é considerado o "último grande poema dos tempos modernos". Este volume - a edição definitiva da obra em nosso país - conta com a elogiada tradução de Jenny Klabin Segall e um fragmento inédito da cena "Noite de Valpúrgis".
R$ 113,00
 
Fausto I (edição de bolso)
Com texto integral

Johann Wolfgang von Goethe

Tradução de Jenny Klabin Segall
Apresentação, comentários e notas de Marcus Vinicius Mazzari
 
"O último grande poema dos tempos modernos", no dizer de Otto Maria Carpeaux, o Fausto de Goethe está para a modernidade assim como a Comédia de Dante para a Idade Média. Representa não só a obra máxima de seu autor, mas a suma do conhecimento e das aspirações de sua época.aolp
R$ 59,00

 
Fausto II
Uma tragédia

Johann Wolfgang von Goethe

Tradução de Jenny Klabin Segall
Ilustrações de Max Beckmann
Apresentação, comentários e notas de Marcus Vinicius Mazzari
Edição bilíngue
 
Escrito ao longo de sessenta anos, o Fausto de Goethe é não só a opera della vita de seu autor, mas um poema "incomensurável" que, no dizer de Thomas Mann, "abrange em seu interior três mil anos de história humana".
R$ 149,00

     
Fausto II (edição de bolso)
Com texto integral

Johann Wolfgang von Goethe

Tradução de Jenny Klabin Segall
Apresentação, comentários e notas de Marcus Vinicius Mazzari
 
Escrito ao longo de sessenta anos, o Fausto de Goethe é não só a opera della vita de seu autor, mas um poema "incomensurável" que, no dizer de Thomas Mann, "abrange em seu interior três mil anos de história humana, desde a queda de Troia até o cerco de Missolungui, e do qual brotam todas as fontes da linguagem".
aolp
R$ 67,00
 
Os anos de aprendizado de Wilhelm Meister

Johann Wolfgang von Goethe

Tradução de Nicolino Simone Neto
Apresentação de Marcus Vinicius Mazzari
Posfácio de Georg Lukács
 
Considerado por Lukács um "ponto culminante na história da narrativa", este livro conta o percurso aventuroso de um jovem burguês no século XVIII. Com meios inovadores, Goethe construiu uma obra insuperável, que deu origem a um novo gênero literário, o Bildungsroman, ou romance de formação.aolp
R$ 113,00

 
Almas mortas

Nikolai Gógol

Tradução de Rubens Figueiredo
Posfácio de Donald Fanger
 
Publicado em 1842, Almas mortas é a grande obra-prima de Gógol, romance no qual o autor, considerado o fundador da moderna literatura russa, elabora um retrato ao mesmo tempo lírico e satírico de seu país. A narrativa traz a história de Tchítchikov, um especulador de São Petersburgo que viaja pelo interior da Rússia adquirindo, dos proprietários de terras locais, os servos ("almas") já falecidos, mas que ainda estavam registrados como vivos no último censo. Baseada na mais recente edição crítica russa, a brilhante tradução de Rubens Figueiredo é acompanhada de quatro textos de Gógol comentando a redação do livro e as reações à sua publicação. O volume inclui ainda os rascunhos que restaram da segunda parte do romance e um ensaio assinado por Donald Fanger, professor emérito da Universidade de Harvard, que analisa em detalhe toda a genialidade da prosa do autor.
R$ 99,00

     
O capote e outras histórias

Nikolai Gógol

Tradução de Paulo Bezerra
 
Humorista, dramaturgo, prosador e polemista, Nikolai Vassílievitch Gógol (1809-1852) teve papel fundamental no desenvolvimento da literatura russa a partir do século XIX, o que levaria Dostoiévski a afirmar: "Todos nós saímos do Capote de Gógol". Este volume, organizado e traduzido diretamente do russo por Paulo Bezerra, apresenta ao leitor um panorama geral da obra gogoliana, ao trazer, ao lado de três de suas histórias mais conhecidas, duas narrativas "folclóricas" do ciclo ucraniano.aolp
R$ 62,00
 
Tarás Bulba

Nikolai Gógol

Tradução de Nivaldo dos Santos
 
Novela de caráter nacionalista publicada pela primeira vez em 1835, Tarás Bulba narra as violentas batalhas travadas no século XVI entre os cossacos - povo seminômade e guerreiro - e os poloneses. Fruto de intensa pesquisa empreendida por Gógol sobre a cultura da Ucrânia, esse livro foi um dos responsáveis pela enorme popularidade alcançada ainda em vida por este que é considerado um dos pais da literatura russa moderna.
R$ 59,00

 
Nova antologia do conto russo (1792-1998)

Organização de Bruno Barretto Gomide

 
Quarenta autores, quarenta contos, duzentos anos da melhor prosa russa reunida em um único volume. Organizada por Bruno Barretto Gomide, professor da Universidade de São Paulo, esta antologia - a primeira no país inteiramente traduzida do russo e composta quase só de obras inéditas em português - apresenta ao leitor um amplo panorama desta literatura, do final do século XVIII até os contemporâneos. Ao lado dos grandes nomes, como Púchkin, Gógol, Dostoiévski, Tchekhov, Tolstói, Pasternak, Bábel e Nabókov, o volume apresenta outros autores menos conhecidos, porém igualmente importantes - como Odóievski, Grin, Chalámov, Kharms, Platónov, Sorókin -, alguns deles nunca antes publicados no Brasil.aolp
R$ 119,00

     
Meu companheiro de estrada e outros contos

Maksim Górki

Tradução de
Boris Schnaiderman
 
Maksim Górki (1868-1936), autor de romances, peças teatrais e livros de memórias, é um dos grandes nomes da literatura russa, e seus contos foram admirados por escritores do porte de Tolstói e Tchekhov. Meu companheiro de estrada apresenta ao leitor brasileiro um conjunto de dezesseis narrativas curtas de Górki, redigidas entre 1894 e 1923, cuidadosamente selecionadas e traduzidas por Boris Schnaiderman. A coletânea é uma excelente introdução à obra deste autor que, vindo de uma família pobre, foi um revolucionário de primeira hora e soube retratar como ninguém as classes populares e os indivíduos marginalizados de seu país.
R$ 85,00
 
A aranha negra

Jeremias Gotthelf

Obra publicada com o apoio da Fundação Suíça para a Cultura Pro Helvetia
 
Uma das novelas mais marcantes do século XIX, admirada por nomes como Thomas Mann, Walter Benjamin e Elias Canetti, A aranha negra foi escrita em 1842 por Jeremias Gotthelf, pseudônimo do pastor protestante suíço Albert Bitzius (1797-1854). Inspirada em lendas medievais, na Bíblia e nos surtos de peste negra que assolaram uma vila da região do Emmental nos séculos XIV e XV, a narrativa se inicia com uma festa de batizado e o relato da terrível história da aranha negra, que no passado aterrorizou e dizimou a população local após a quebra de um pacto com o diabo.
R$ 56,00

 
Coleção clássicos da literatura para crianças (acompanha Ecobag)

Jacob e Wilhelm Grimm
Hans Christian Andersen
Lewis Carroll

Ilustrações de Olaf Gulbransson e John Tenniel
Projeto gráfico de Raul Loureiro
 
Reunindo o conjunto completo dos contos dos Irmãos Grimm, cinco das melhores histórias de Hans Christian Andersen, como “O patinho feio” e “A roupa nova do imperador”, além das duas obras clássicas de Lewis Carroll, Aventuras de Alice no País das Maravilhas e Através do espelho e o que Alice encontrou lá, esta coleção mostra como a boa literatura, aqui apresentada em belas edições ilustradas, pode cativar tanto adultos como crianças.
R$ 229,00

     
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13  

© Editora 34 Ltda. 2022   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779