Busca rápida
por título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Rodolfo Walsh  
Rodolfo Jorge Walsh nasceu em 25 de janeiro de 1927, na província argentina de Neuquén. Atuou no campo literário primeiramente como tradutor e editor, mais tarde como jornalista e ficcionista - muitas vezes sobrepondo e fundindo essas atividades. Suas principais obras são os romances-reportagem Operación massacre (1957), Caso Satanowsky (1958) e ¿Quién mató a Rosendo? (1969), que o qualificam como precursor e expoente do new journalism, e os volumes de contos Los oficios terrestres (1965), Un kilo de oro (1967) e Un oscuro día de justicia (1973), nos quais a violenta beleza de sua prosa atinge seu ponto máximo. Deixou ainda uma série de contos policiais e duas peças de teatro, La granada e La batalla (ambas de 1965). Postumamente, parte de sua vasta produção jornalística foi reunida no volume El violento oficio de escribir (1995).

Walsh é também lembrado por sua vigorosa entrega à militância política, que marcou seus últimos dez anos de vida, quando aderiu à esquerda revolucionária peronista, chegando à liderança do movimento Montoneros. Para várias gerações de intelectuais, sua contundente "Carta aberta à Junta Militar", em que denunciou os crimes da ditadura instaurada em 1976, tornou-se um modelo de resistência aos regimes autoritários e de fé na força da palavra contra os desmandos do poder. Walsh foi assassinado por um comando militar em 25 de março de 1977, logo depois de postar cópias daquela carta a amigos e colaboradores ao redor do mundo.
1  

A máquina do bem e do mal e outros contos

Rodolfo Walsh

Prefácio de Ricardo Piglia
Organização de Sérgio Molina
 
Rodolfo Walsh (1927-1977) é um dos mais importantes nomes da literatura argentina, célebre pelo modo como articulou compromisso político e experimentação formal em sua obra. O presente volume, juntamente com Essa mulher e outros contos e Variações em vermelho, já lançados pela Editora 34, vem completar a publicação no Brasil dos contos completos do autor. Das primeiras narrativas publicadas no início dos anos 1950, sob a influência de Jorge Luis Borges, até o conto-título "A máquina do bem e do mal", um impagável quadro da marginália portenha, passando pelos casos policiais do delegado Laurenzi, o livro traça um amplo panorama da obra de Walsh, um escritor que, como afirma Ricardo Piglia no prefácio, foi "capaz de escrever em todos os registros da língua".
R$ 57,00
 
Variações em vermelho
e outros casos de Daniel Hernández

Rodolfo Walsh

Com o respaldo do Programa Sur de Apoio à Tradução
 
Reunindo quatro novelas policiais, um minconto-charada e um ensaio do autor, Variações em vermelho apresenta ao leitor brasileiro um lado menos conhecido, mas fundamental, de Rodolfo Walsh, um dos maiores escritores argentinos do século XX. Na trilha de Sherlock Holmes, Borges e Bioy Casares, Walsh introduz na história da literatura um detetive surpreendente: Daniel Hernández, um revisor de livros que usa sua atenção aos detalhes para decifrar uma série de crimes enigmáticos.aolp
R$ 57,00

 
Essa mulher e outros contos

Rodolfo Walsh

Com o respaldo do Programa Sur de Apoio à Tradução
do Ministério de Relações Exteriores da Argentina
 
Mais conhecido no Brasil como mártir da resistência contra a ditadura argentina, Rodolfo Walsh é também um dos principais narradores do seu país. Primeiro livro do autor a sair em português, Essa mulher e outros contos reúne o conjunto fundamental de sua prosa breve, encabeçado pelo conto eleito o melhor da literatura argentina do século XX numa grande enquete junto a escritores e críticos realizada em 1999 pela editora Alfaguara.aolp
R$ 59,00

     
1  

© Editora 34 Ltda. 2020   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779