Busca rápida
digite título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Poesia
 


 R$ 36,00
         

        frete grátis  (saiba mais)

       




 
Informações:
Site
site@editora34.com.br
Vendas
(11) 3811-6777

vendas@editora34.com.br
Assessoria de imprensa
imprensa@editora34.com.br
Atendimento ao professor
professor@editora34.com.br

carvão : : capim

 

Guilherme Gontijo Flores


88 p. - 14 x 21 cm
ISBN 978-85-7326-703-7
2018 - 1ª edição
Edição conforme o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa

Vida e morte pulsam neste livro com igual intensidade, tal como pulsam dentro de nós. Nesta quinta coletânea poética de Guilherme Gontijo Flores, carvão : : capim, esses dois elementos quase contraditórios funcionam, conjuntamente, como um símbolo do ciclo da vida.
Dividido em quatro partes, articuladas por dois poemas centrais que reinventam o famoso quadrado mágico poético "Sator/Rotas", o livro parte de uma "Petrografia esparsa", com poemas de cunho social, aludindo às tantas mortes que marcaram e continuam a marcar o solo da nossa história. Em seguida, "História dos animais" propõe uma zoopoética que não deixa de enxergar a beleza da morte iluminada, por exemplo, numa pedra de âmbar. Já "Quatro cantatas fúnebres" traz, entre outros, poemas dedicados à guerrilheira Dinalva Oliveira e ao poeta e revolucionário salvadorenho Roque Dalton, ambos assassinados por motivos políticos.
É sobre esse chão de morte que o livro grassa, indo e voltando sempre ao tema da morte, para desaguar na parte final, "Lo ferm voler" (referência a um verso do trovador provençal Arnaut Daniel), onde o impulso lírico-amoroso vem reafirmar a vida, o viço e a vontade: "Como quem vê no céu/ que estrelas faltam/ achar em cada falta/ seu desejo/ & assim deliberadamente/ desastrá-lo".


Sobre o autor
Guilherme Gontijo Flores nasceu em Brasília, em 1984. É poeta, tradutor e professor na Universidade Federal do Paraná. Publicou os livros de poemas brasa enganosa (2013), Tróiades (2014, www.troiades.com.br), l'azur Blasé (2016) e Naharia (2017), que formam a tetralogia de Todos os nomes que talvez tivéssemos. Como tradutor, publicou, entre outros, A anatomia da melancolia, de Robert Burton (4 vols., 2011-2013), Elegias de Sexto Propércio (2014) e Safo: fragmentos completos (2017). Foi um dos organizadores da antologia Por que calar nossos amores? Poesia homoerótica latina (2017) e publicou o ensaio Algo infiel: corpo performance tradução (2017) com Rodrigo Gonçalves. É coeditor do blog e revista escamandro: poesia tradução crítica (www.escamandro.wordpress.com). Nos últimos anos tem trabalhado com tradução e performance de poesia antiga, integrando o grupo Pecora Loca.


Veja também
Fragmentos completos
de Safo
Nuvens
Jóquei

 


© Editora 34 Ltda. 2018   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779