Busca rápida
por título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Poesia  
1   2   3   4   5  

Metamorfoses

Ovídio

Tradução de Domingos Lucas Dias
Apresentação de João Angelo Oliva Neto
Edição bilíngue
 
Uma das obras mais influentes da literatura ocidental, as Metamorfoses de Ovídio foram escritas no ano 8 d.C., e desde então os mais de 250 mitos gregos e romanos figurados em seus doze mil versos têm inspirado pinturas, esculturas, peças de teatro, criações literárias, óperas e composições musicais por todo o mundo. Mas o fascínio da obra também se deve à maestria com que o grande poeta latino alinhavou este compêndio de mitos, construindo uma história das origens do mundo até os seus dias (o tempo dos imperadores Júlio César e Augusto). A presente edição, bilíngue, traz a nova tradução de Domingos Lucas Dias, em versos livres que privilegiam a elegância e fluência do texto, acompanhada de uma apresentação de João Angelo Oliva Neto, da Universidade de São Paulo, e de mapas e índices completos dos nomes e locais citados na obra-prima de Ovídio.
R$ 158,00
 
Poeira

Fernando Paixão

 
Memória e cotidiano constituem a matéria temporal de Poeira, quarto livro de Fernando Paixão. Dividida em duas partes, "Os dias" (com poemas autônomos) e "Poeira de aldeia" (um poema em 14 fragmentos), esta obra alia a percepção subjetiva do mundo ao interesse por temas universais - a guerra, a morte, a nostalgia da infância -, captando aspectos sutis da experiência humana, quando a poesia se faz próxima do silêncio.
indisponível
R$ 47,00

 
Aurora

João de Paranaguá

 
Aurora é o único livro deste poeta bissexto e de quase noventa anos, João Alfredo de Paranaguá Moniz. São dezessete poemas, em sua maioria compostos em versos livres e brancos, de grande leveza rítmica: "Vamos partir,/ Que já tenho há muito/ O segredo das águas que avançam/ Arredondando as pedras".
R$ 47,00

     
Só para maiores de cem anos
antologia (anti)poética

Nicanor Parra

Tradução de Joana Barossi e Cide Piquet
Edição bilíngue
 
Nicanor Parra (1914-2018) foi um dos principais poetas chilenos do século XX e para muitos, como o crítico Harold Bloom, um dos maiores poetas do Ocidente. Desde 1954, quando lançou Poemas e antipoemas e criou a "antipoesia" (com uma linguagem próxima àquela falada nas ruas, irônica e provocadora), até 2018, quando faleceu aos 103 anos, Parra nunca deixou de escrever e publicar, reinventando-se a cada geração, com uma obra que revolucionou a literatura de seu país e influenciou autores em todo o mundo, de Ferlinghetti a Roberto Bolaño. Só para maiores de cem anos é a primeira grande antologia de Parra publicada no Brasil, em edição bilíngue, e reúne 75 poemas de seus principais livros, selecionados e traduzidos por Joana Barossi e Cide Piquet.
R$ 78,00
 
Melro

Edimilson de Almeida Pereira

 
Seja no ensaio, na prosa ou na poesia, Edimilson de Almeida Pereira vem criando uma obra que propõe a cada passo formas inéditas de pensar e expressar algumas das questões mais prementes do nosso tempo. Não é diferente o caso de Melro, que, ao lado de Relva (2015) e Guelras (2016), compõe a trilogia Melancolia, nascida no contexto agônico que tomou o Brasil e o mundo de 2014 para cá. Numa dicção que ecoa, por vezes, a melhor poesia social de Drummond, conversando com figuras como Davi Kopenawa, Wole Soyinka, Dylan Thomas, James Baldwin e Carlos de Assumpção, Melro configura uma “poética do exílio” que busca, segundo Fabio Cesar Alves, “salvar os vestígios de uma existência em retração”.
R$ 51,00

 
Poesia +
(antologia 1985-2019)

Edimilson de Almeida Pereira

 
Poesia + reúne quase duzentos poemas de Edimilson de Almeida Pereira, poeta e ensaísta, pesquisador das culturas populares e afrodescendentes e professor da Universidade Federal de Juiz de Fora. Esta antologia, organizada pelo próprio autor em oito blocos temáticos (incluindo 34 poemas inéditos), atesta de maneira decisiva a singularidade de um percurso poético que dialoga com linhas centrais do modernismo brasileiro mas também, com uma força raras vezes vista entre nós, incorpora vozes historicamente silenciadas e formas extremamente originais de ver/pensar o mundo, nas quais a carga de ancestralidade e o poder de invenção contemporâneo convivem e se renovam mutuamente.
R$ 89,00

     
qvasi:
segundo caderno

Edimilson de Almeida Pereira

 
Com vários livros publicados nos últimos trinta anos, Edimilson de Almeida Pereira é uma das principais vozes da poesia brasileira contemporânea. Este qvasi (do latim "como se", de onde vem o português "quase") reúne as principais vertentes de sua pesquisa poética e intelectual: literatura, antropologia, cultura popular e religiosidade.
A partir de suas andanças e estudos pelo interior mineiro, o ouvido do poeta recolhe falas e falares para dar voz a seres e coisas que nem sempre têm vez nas folhas dos livros: seja um morcego, um morro ou um andarilho. Sagrado e profano, passado e presente, dito e ouvido se condensam em poemas tão cortantes quanto precisos, cuja secura é fruto da mais fina maturação. "NÃO, pedra ang/ ular dos sem PALAVRA."
R$ 57,00
 
O coração pronto para o roubo
Poemas escolhidos

Manuel António Pina
Organização de Leonardo Gandolfi

 
Manuel António Pina (1943-2012), vencedor do Prêmio Camões em 2011, é um dos maiores nomes da poesia portuguesa contemporânea. O coração pronto para o roubo, volume organizado por Leonardo Gandolfi - poeta e professor de literatura portuguesa na Unifesp, responsável também pelo posfácio e pela seleta de entrevistas que integram a edição -, é a primeira coletânea poética do autor publicada no Brasil e reúne mais de oitenta poemas de todos os seus livros.
R$ 62,00

 
Caçambas

Ruy Proença

Livro patrocinado pelo Programa Petrobras Cultural
 
Dispostos em duas seções, "Rádio de galena" e "Singular coletivo", os 76 poemas de Caçambas, de Ruy Proença, constituem um inventário, por um lado, amplo o bastante para figurar passagens da história do século XX e grandezas cósmicas como meteoros e buracos negros, por outro, preciso e delicado o suficiente para tratar com afeto o sentimento do maravilhoso e as batalhas (ganhas e perdidas) da infância e da vida adulta.
R$ 53,00

     
Visão do térreo

Ruy Proença

 
Como observa a crítica Maria Betânia Amoroso, nos poemas de Ruy Proença o eu lírico se move no "intervalo entre morrer e fazer poesia" - daí o sentimento paradoxal de sobriedade e liberdade imagética que caracteriza boa parte deste Visão do térreo. Não por acaso, o amor, a morte, os ferimentos visíveis e invisíveis afloram com frequência em seus versos, mas com uma melancolia muitas vezes temperada de humor.
R$ 49,00
 
Alma corsária

Claudia Roquette-Pinto

 
Alma corsária é o novo livro de uma das principais poetas contemporâneas brasileiras, Claudia Roquette-Pinto, que retorna à poesia após o elogiado Margem de manobra, de 2005. Com 58 poemas organizados em seis seções, “Alma corsária”, “Na estrada”, “As horas nuas”, “Poemas do Rio”, “Escritos da pandemia” e “Resumo da ópera”, a obra reafirma uma percepção de mundo intensa e singular, em que o impulso de liberdade, de quem se arrisca continuamente a ir além das próprias fronteiras, se depara, tantas vezes, com forças contrárias: saltos no vazio, banalidade do real, horror da pandemia e a passagem das horas que deixa marcas no corpo e na consciência.
R$ 57,00

 
Píer

Sérgio Alcides

Projeto apoiado pelo Programa Petrobras Cultural
 
Novo livro de poemas de Sérgio Alcides, Píer tem como cenário recorrente o litoral, a praia, a marinha. Muitos textos são compostos como se fossem paisagens, mas o "país" que eles retratam não se prende completamente a nenhuma geografia exterior à própria linguagem da poesia -onde a vida, a memória e a história se reordenam, transfiguradas. O conjunto inclui, além de números avulsos, três "suítes" de poemas: "Ossada", "Píer" (iniciada quando o autor foi escritor-residente do Instituto Sacatar de Itaparica, em 2004) e "À margem do São Francisco".
R$ 51,00

     
1   2   3   4   5  

© Editora 34 Ltda. 2024   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779