Busca rápida
por título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Coleção: Leste  
1   2   3   4   5   6  

Teatro completo

Nikolai Gógol

Tradução de Arlete Cavaliere
Organização, prefácio e notas da tradutora
 
Nikolai Gógol (1809-1852) é reconhecidamente o precursor de toda uma linhagem da ficção russa do século XIX, de Dostoiévski a Tchekhov, com obras-primas como Almas mortas, O capote e a peça O inspetor geral. O presente volume reúne a totalidade da obra teatral de Gógol - que inclui também Os jogadores, O casamento, À saída do teatro e Desenlace de O inspetor geral -, trazendo ao leitor brasileiro uma parcela menos conhecida, mas não menos fundamental, da obra deste mestre da paródia, do humor crítico e do nonsense.
aolp
R$ 79,00
 
Antologia do pensamento crítico russo (1802-1901)

Organização de Bruno Barretto Gomide

 
Esta antologia é a primeira reunião em língua portuguesa dos principais textos e autores do pensamento russo do século XIX, de Nikolai Karamzin (1766-1826) a Nikolai Fiódorov (1829-1903). Se a literatura do país de Dostoiévski e Tolstói se tornou uma das mais conhecidas do mundo, o mesmo não se pode dizer do rico debate de ideias realizado na Rússia, onde os conceitos de progresso e atraso, nacional e estrangeiro, assim como no Brasil, têm importância fundamental. Organizada por Bruno Barretto Gomide - também responsável pela Nova antologia do conto russo -, esta coletânea traz vinte e dois ensaios traduzidos diretamente do original, e vem para demonstrar que a produção crítica é peça fundamental para compreendermos a riquíssima cultura daquele país.
R$ 98,00

 
Nova antologia do conto russo (1792-1998)

Organização de Bruno Barretto Gomide

 
Quarenta autores, quarenta contos, duzentos anos da melhor prosa russa reunida em um único volume. Organizada por Bruno Barretto Gomide, professor da Universidade de São Paulo, esta antologia - a primeira no país inteiramente traduzida do russo e composta quase só de obras inéditas em português - apresenta ao leitor um amplo panorama desta literatura, do final do século XVIII até os contemporâneos. Ao lado dos grandes nomes, como Púchkin, Gógol, Dostoiévski, Tchekhov, Tolstói, Pasternak, Bábel e Nabókov, o volume apresenta outros autores menos conhecidos, porém igualmente importantes - como Odóievski, Grin, Chalámov, Kharms, Platónov, Sorókin -, alguns deles nunca antes publicados no Brasil.aolp
R$ 105,00

     
Meu companheiro de estrada e outros contos

Maksim Górki

Tradução de
Boris Schnaiderman
 
Maksim Górki (1868-1936), autor de romances, peças teatrais e livros de memórias, é um dos grandes nomes da literatura russa, e seus contos foram admirados por escritores do porte de Tolstói e Tchekhov. Meu companheiro de estrada apresenta ao leitor brasileiro um conjunto de dezesseis narrativas curtas de Górki, redigidas entre 1894 e 1923, cuidadosamente selecionadas e traduzidas por Boris Schnaiderman. A coletânea é uma excelente introdução à obra deste autor que, vindo de uma família pobre, foi um revolucionário de primeira hora e soube retratar como ninguém as classes populares e os indivíduos marginalizados de seu país.
R$ 74,00
 
No campo da honra e outros contos

Isaac Bábel

Tradução de Nivaldo dos Santos
Prefácio de Boris Schnaiderman
 
Mestre da narrativa curta, o escritor russo Isaac Bábel (1894-1940) foi reconhecido logo após a Revolução de 1917 como uma das vozes mais brilhantes e originais de sua época. Isso não o impediu, entretanto, de ser perseguido durante o stalinismo e, mais tarde, sumariamente fuzilado. Os 32 textos reunidos em No campo da honra e outros contos - a maioria em sua primeira tradução direta para o português - reúne escritos de todas as fases de sua vida, e dão provas de seu estilo sintético, essencial, inigualável.
R$ 61,00

 
O tradutor cleptomaníaco
e outras histórias de Kornél Esti

Dezsö Kosztolányi

Tradução de Ladislao Szabo
 
O tradutor cleptomaníaco reúne treze histórias de Dezsö Kosztolányi (1885-1936), um mestre do conto e atualmente um dos nomes mais cultuados da literatura húngara. Publicadas nos anos 1930, as narrativas aqui selecionadas têm em comum o personagem Kornél Esti - boêmio frequentador dos cafés de Budapeste e alter ego do escritor - e uma forma leve, desconcertante e irônica de abordar as grandes questões da vida moderna.
R$ 46,00

     
O marcador de página
e outros contos

Sigismund Krzyzanowski

 
Comparado hoje a Swift, Kafka, Borges e Beckett, Sigismund Krzyzanowski (1887 - 1950) não publicou nenhum livro em vida, e teve a obra descoberta somente trinta anos após sua morte. A razão disso foi que este grande escritor viveu sob um dos regimes mais severos da história, a União Soviética stalinista, e sua literatura, surpreendente e inclassificável, fugia completamente dos cânones do realismo socialista. O marcador de página reúne seis contos deste autor cada vez mais cultuado no Ocidente, traduzidos diretamente do russo por Maria Aparecida B. P. Soares.
R$ 49,00
 
A fraude e outras histórias

Nikolai Leskov

Tradução de Denise Sales
Posfácio e notas de Denise Sales
Ensaio de Elena Vássina
 
Juntamente com Homens interessantes e outras histórias, esta é a primeira coletânea de contos de Nikolai Leskov (1831-1895) lançada no Brasil - algo aguardado há anos por todos que conhecem o célebre ensaio "O narrador", de Walter Benjamin, que tem por base justamente as histórias do autor russo. O volume traz seis contos de Leskov inéditos no Brasil.
R$ 54,00

 
Homens interessantes e outras histórias

Nikolai Leskov

Posfácio e notas de Noé Oliveira Policarpo Polli
 
Lançado simultaneamente com A fraude e outras histórias, este volume apresenta ao leitor brasileiro sete contos inéditos de Leskov traduzidos diretamente do original, incluindo "O artista dos topetes", "A fera" e "O papão". Neles, este grande escritor deixa claro por que é considerado um mestre da "arte de narrar", que envolve o leitor e o faz transitar de modo surpreendente por vários planos de realidade.
R$ 68,00

     
Lady Macbeth do distrito de Mtzensk

Nikolai Leskov

Tradução de Paulo Bezerra
Posfácio e notas do tradutor
 
A novela Lady Macbeth do distrito de Mtzensk, publicada em 1865, é considerada a obra-prima de Nikolai Leskov (1831-1895), escritor russo contemporâneo de Dostoiévski e Tolstói, tido como grande retratista dos costumes e da alma de seu povo. Nesta impressionante narrativa, o leitor acompanha a transformação de Catierina Lvovna, a jovem e entediada esposa de um velho comerciante, em uma cruel assassina.aolp
R$ 42,00
 
Mistério-bufo

Vladímir Maiakóvski

Tradução de Arlete Cavaliere
 
"Sem forma revolucionária não há arte revolucionária". A célebre frase do poeta russo Vladímir Maiakóvski (1893-1930) define muito bem um de seus textos teatrais mais conhecidos, Mistério-bufo (1921). A presente edição traz pela primeira vez ao público brasileiro a versão final da peça, reelaborada pelo autor após sua estreia em 1918. Traduzido diretamente do original por Arlete Cavaliere, professora da USP, o texto é uma fantasia alegórica da Revolução Russa e de seus primeiros desdobramentos, escrito no calor da hora, e sintetiza uma série das experimentações de vanguarda do poeta.
R$ 52,00

 
O percevejo
Comédia fantástica em nove cenas

Vladímir Maiakóvski

Cotejo com o original russo e posfácio de Boris Schnaiderman
 
Considerada a mais importante obra teatral de Maiakóvski, O percevejo (1928) chega agora ao leitor brasileiro em tradução do diretor Luís Antonio Martinez Corrêa (1950-1987), com revisão, posfácio e cronologia da vida e obra do autor russo por Boris Schnaiderman. A edição inclui ainda um texto inédito em português de Maiakóvski sobre a peça.aolp
R$ 42,00

     
1   2   3   4   5   6  

© Editora 34 Ltda. 2020   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779