Busca rápida
digite título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Coleções | Literatura estrangeira
 


 R$ 46,00
         

        frete grátis  (saiba mais)

       




 
Informações:
Site
site@editora34.com.br
Vendas
(11) 3811-6777

vendas@editora34.com.br
Assessoria de imprensa
imprensa@editora34.com.br
Atendimento ao professor
professor@editora34.com.br

Histórias apócrifas

 

Karel Capek

Tradução de Aleksandar Jovanovic
Edição apoiada pelo Consulado Geral da República Tcheca em São Paulo

176 p. - 14 x 21 cm
ISBN 85-85490-51-9
1994 - 1ª edição; 2013 - 3ª edição
Edição conforme o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa

Como teria sido o tribunal que condenou Prometeu por roubar o fogo dos deuses? Que resmungos trocaria um velho casal da Idade da Pedra lamentando a decadência das novas gerações e a falta de perspectivas da humanidade? Quais seriam os comentários maldosos que corriam entre os soldados gregos no cerco de Troia? O que um esforçado padeiro de Jerusalém diria sobre Cristo e seu milagre dos pães?
     Perguntas como essas recebem aqui respostas geniais na forma de contos curtos, sutis e reflexivos, com uma ironia libertária que muitas vezes lembra os esquetes anarquizantes do grupo inglês Monthy Python. Mas não é só um humor fino e uma prosa envolvente que estas narrativas nos oferecem.
     Nos 29 textos que compõem a coletânea elaborados no período entre as duas guerras mundiais, às vésperas da ascensão do nazismo, o célebre escritor tcheco Karel Čapek (1890-1938) percorre um amplo arco que vai da paródia burlesca à parábola alegórica. Retomando episódios e personagens históricos, míticos e literários de um ponto de vista inusitado, estas Histórias apócrifas questionam o senso comum, os preconceitos e o totalitarismo, mas deixam sempre uma brecha para rirmos e sorrirmos de nós mesmos.


Sobre o tradutor
Aleksandar Jovanovic é doutor em Semiótica e Linguística, professor de graduação e pós-graduação da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, e ensaísta e tradutor de algumas línguas da Europa Centro-Oriental. Dentre outros livros, traduziu, do tcheco, Histórias apócrifas (1994), de Karel Čapek, e Nem santos nem anjos, de Ivan Klíma; do húngaro, História da literatura universal do século XX (1990), de Miklós Szabolcsi, e A exposição das rosas (1993), de István Örkény; do sérvio, Paisagem pintada com chá (1990), de Milorad Pávitch, e Café Titanic (2008), de Ivo Ándritch.


Veja também
O tradutor cleptomaníaco
e outras histórias de Kornél Esti
Vidas imaginárias
O crocodilo
e Notas de inverno sobre impressões de verão

 


© Editora 34 Ltda. 2017   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779