Busca rápida
por título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Coleções  
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21  

Minha vida
conto de um provinciano

A. P. Tchekhov

Tradução de Denise Sales
posfácio e notas da tradutora
 
Publicada em 1896, a novela Minha vida - que tem aqui sua primeira tradução direta no Brasil - é uma das raras incursões de Tchekhov (1860-1904), mestre do conto, pela narrativa mais longa. Permeada de referências autobiográficas, esta obra de ficção, que retrata a vida de um jovem inadaptado às convenções de uma pequena cidade de província, surpreende pela sensibilidade com que o autor capta a dinâmica profunda da sociedade russa - o que levaria Gorki a declarar: "Ontem li Minha vida. É uma pérola". aolp
R$ 62,00
 
O beijo e outras histórias
e outras histórias

A. P. Tchekhov

Tradução de
Boris Schnaiderman
 
Seis obras-primas do mestre da narrativa curta, nas quais o leitor brasileiro não deixará de perceber, tratados com a característica sutileza tchekhoviana, temas que também foram caros a Dostoiévski e Machado de Assis.
"O leitor tem nas mãos uma preciosa coletânea de histórias de um dos maiores narradores que conheceu a literatura mundial." (Davi Arrigucci Jr.)
R$ 76,00

 
O duelo

A. P. Tchekhov

Tradução de Marina Tenório
 
Uma das mais agudas incursões de Anton Tchekhov (1860-1904) pela narrativa longa, O duelo narra a história de Nadiéjda e Ivan Laiévski - jovem casal de intelectuais que se muda de São Petersburgo para uma cidadezinha litorânea do Cáucaso, à beira do mar Negro, com sonhos de uma vida de trabalho simples e contato com a natureza. A perspectiva de idílio é ameaçada pelo caráter incerto de Laiévski, pelo jogo e pela bebida, e este acaba sendo desafiado para um duelo no qual certamente perderá a vida. Publicada em 1891, esta novela - que tem ecos do panteísmo de Tolstói, mas também da personagem Oblómov, de Goncharov - já foi adaptada diversas vezes para o cinema e o teatro.
R$ 65,00

     
Três anos

A. P. Tchekhov

Tradução de Denise Sales
 
Ao voltar de uma longa viagem à colônia penal da ilha de Sacalina, Tchekhov passa a residir em Moscou. Ali, nas redondezas de sua casa na rua Málaia Dmítrovka, ambientaria a novela Três anos. Publicada em 1895, a obra acompanha os primeiros anos de casamento de Iúlia Belavina, filha de um médico da província, com Aleksei Láptiev, de uma família de prósperos comerciantes moscovitas.
R$ 62,00
 
Vermelho

Maria Tereza

Ilustrações de Andrés Sandoval
 
Era uma vez uma menina que gostava de fazer bolos de terra no quintal de sua casa. No dia de seu aniversário, ela pediu à mãe que fizesse um bolo de verdade, bem gostoso e... todo vermelho!
O presente que ganhou não era exatamente o que ela esperava &madash; mas este livro mostra como a felicidade tem maneiras imprevisíveis de nos alcançar.
R$ 47,00

 
Pequena história da música popular
segundo seus gêneros

José Ramos Tinhorão

 
Dos gêneros pioneiros da modinha e do lundu, no século XVIII, até a lambada, no início dos anos 1990, passando pelo maxixe, tango, choro, marcha, samba, frevo, música sertaneja, guarânia, baião, bossa nova, canção de protesto e tropicalismo, esta Pequena história da música popular apresenta um estudo das origens e da configuração de cada um dos nossos movimentos musicais. Escrito por um dos maiores pesquisadores do país, José Ramos Tinhorão, o livro sintetiza muito de sua obra, e é referência indispensável para todos aqueles que queiram conhecer os processos sociais que atuam na formação da cultura brasileira.
R$ 83,00

     
A morte de Ivan Ilitch

Lev Tolstói

Tradução de
Boris Schnaiderman
Texto em apêndice de Paulo Rónai
 
Nesta novela — considerada uma das mais perfeitas já escritas —, Tolstói narra a história de Ivan Ilitch, um juiz de instrução que, depois de alcançar uma vida confortável, descobre que tem uma grave doença. A partir daí, este passa a refletir sobre o sentido de sua existência, numa experiência-limite de rara força poética, que só a grande literatura consegue traduzir.aolp
R$ 53,00
 
A Sonata a Kreutzer

Lev Tolstói

Tradução de
Boris Schnaiderman
 
Lançando mão de sua experiência pessoal e do relato angustiado que ouvira de um homem traído pela esposa, Tolstói criou uma de suas obras mais polêmicas: uma narrativa de caráter alucinatório sobre a infidelidade no casamento, contada sob a perspectiva de um assassino. Publicado em 1891, o livro investiga o desequilíbrio nas relações entre homens e mulheres e a hipocrisia que reveste o comportamento sexual na sociedade.
R$ 56,00

 
Anna Kariênina

Lev Tolstói

Tradução de Irineu Franco Perpetuo
Prefácio de Thomas Mann
 
Para Vladímir Nabókov, Anna Kariênina é “uma das maiores histórias de amor da literatura mundial”, e Thomas Mann, no prefácio incluído neste volume, o considera “o romance social mais poderoso” já escrito. Rico panorama da Rússia de fins do século XIX, a obra narra, por um lado, o drama da bela e impetuosa Anna Kariênina, que, infeliz no casamento, enfrenta o julgamento cruel da alta sociedade de Moscou ao assumir sua paixão pelo conde Vrônski. Por outro lado, acompanhamos o proprietário de terras Lióvin — alter ego do autor — em sua busca pelo ideal de uma vida feliz no campo ao lado da jovem Kitty, bem como seus dilemas intelectuais em torno da fé e da justiça social. Vertido diretamente do russo por Irineu Franco Perpetuo, que também assina o posfácio, esta nova tradução acompanha todas as nuances do imortal romance de Tolstói, seja na exuberante riqueza de detalhes da narrativa, seja na fascinante profundidade psicológica das personagens.
R$ 149,00

     
Dois hussardos

Lev Tolstói

Tradução de Lucas Simone
Posfácio de Italo Calvino
 
Lançada em 1856, época em que Lev Tolstói (1828-1910) fez sua entrada triunfal no cenário das letras russas, a novela Dois hussardos traz as histórias de pai e filho, ambos nobres e membros da cavalaria militar, que, num intervalo de vinte anos, detêm-se por uma noite na mesma cidade de província. Nesta que é considerada por Italo Calvino, autor do posfácio ao volume, uma das mais belas narrativas de Tolstói, o modo como os personagens interagem com os habitantes da cidade, as seduções e trapaças em que se envolvem, refletem muito mais do que o quadro mental de dois indivíduos: são índices das transformações profundas pelas quais passava a Rússia no século XIX.
R$ 53,00
 
Histórias de Bulka

Lev Tolstói

Tradução de Tatiana Belinky
Ilustrações de Ulysses Bôscolo
 
Este livro reúne seis episódios que o autor de Guerra e paz viveu na juventude, ao lado de seu destemido cão de estimação. Acompanhando seu dono em caçadas a ursos, faisões e javalis, Bulka enfrentará diferentes animais para provar o seu valor. Narradas ao mesmo tempo com realismo e emoção, as Histórias de Bulka nos fazem sentir o forte laço de amizade que pode existir entre um homem e seu cão.
R$ 43,00

 
Khadji-Murát

Lev Tolstói

Tradução de
Boris Schnaiderman
Inclui o ensaio
"Tolstói: antiarte e rebeldia",
de Boris Schnaiderman
 
Obra-prima de uma atualidade impressionante, a novela Khadji-Murát é o último livro de Tolstói e está à altura dos seus grandes romances Anna Kariênina e Guerra e paz. Centrado na figura do líder rebelde tchetcheno Khadji-Murát (1796-1852) - pela qual o escritor se interessou desde que serviu no Cáucaso como soldado, na juventude -, o livro narra em 25 capítulos curtos sua luta pela sobrevivência e pela afirmação dos valores de sua cultura. Com um ritmo fluente e vertiginoso, que lembra o cinema, Tolstói criou uma narrativa insuperável, um pequeno épico repleto de poesia, natureza, ação, lirismo, história e denúncia da violência. O volume inclui ainda o ensaio "Tolstói: antiarte e rebeldia", de Boris Schnaiderman, que discute a vida e a obra do grande escritor russo, e a importância de Khadji-Murát em sua produção.
R$ 76,00

     
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11   12   13   14   15   16   17   18   19   20   21  

© Editora 34 Ltda. 2024   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779